Receita regulamenta CAEPF, para substituir Cadastro Específico do INSS

Cadastro será obrigatório em 2019

A Receita Federal publicou no Diário Oficial, istrução normativa que regula o chamado Cadastro de Atividade Econômica da Pessoa Física, CAEPF.
Para quem não sabe, o CAEPF define a atividade econômica da pessoa física desobrigada da inscrição no CNPJ. O cadastro entrará em produção de forma facultativa para o contribuinte em 1º de outubro e de forma obrigatória a partir de 2019.
O CAEPF substituirá o Cadastro Específico do INSS (CEI) em relação às matrículas emitidas para pessoas físicas.
O objetivo é ampliar o controle das contribuições previdenciárias resultado da atividade econômica. Postado: 12/09/2018

Deixe o seu comentário

0Comentários

Voltar